Tratamento de distrofia retiniana

Em apenas algumas décadas, a distrofia retiniana tornou-se uma doença comum que afeta não apenas as pessoas em idade de aposentadoria, mas também os jovens. Os oftalmologistas observam que os pacientes com essa patologia estão cada vez mais se voltando para eles. Sem tratamento oportuno e adequado, a doença pode levar à perda total da visão, então hoje gostaríamos de examinar em detalhes suas causas, sintomas, variedades e métodos de tratamento.

Muitas pessoas não sabem que é possível restaurar a visão com as cápsulas CleanVision. Este é um complexo que contém componentes exclusivos projetados para o tratamento e prevenção de doenças oculares. Segundo o fabricante deste medicamento, agora não há produtos similares com essas propriedades terapêuticas!Cápsulas para restauração da visão - Cleanvision

Descrição detalhada da droga Cleanvision pode ser lido neste artigo. Site oficial do fabricante da cápsula Cleanvision localizado neste endereço: https://cleanvisionnd.com/

Não deixe de dizer a melhor droga para as pessoas que têm problemas de visão!

Patologia Característica

Antes de começarmos a explicar o que é, falaremos um pouco sobre as funções e a estrutura da retina. É sensível aos raios de luz e está localizado entre os vasos e o vítreo. A retina converte o sinal de luz em um impulso elétrico que é transmitido ao cérebro.

Na grande maioria dos casos, a distrofia da retina é um distúrbio hereditário.

Este conceito significa um número de doenças que apresentam sintomas semelhantes. O quanto a condição do paciente afeta sua visão depende da localização da patologia e da natureza do dano.

Doença de Stargardt

Esse distúrbio geralmente é diagnosticado perto dos 6 anos. Sua característica é a opressão da visão central e da luz. Em alguns casos, as previsões podem ser decepcionantes, então você precisa reconhecer os sintomas a tempo de ajudar rapidamente a criança.

Retinite pigmentosa

Na presença desta doença, a visão diminui gradualmente, mas por um longo tempo. É perigoso para a saúde, mas é extremamente raro. Normalmente, os primeiros sintomas de retinite são diagnosticados aos 3 anos de idade.

A visão periférica muda significativamente, o que, por sua vez, leva a distúrbios na visão central e colorida. Essa violação não é tão perigosa para o corpo quanto a doença anterior, pois só provoca perda total da visão em casos extremos.

Cleanvision  O que é visão de túnel

Amauros Leber

Esta doença é considerada uma das mais raras, a patologia pode ser detectada aos 5 meses de idade após o nascimento. Os sintomas da patologia indicam uma diminuição da acuidade visual e movimentos oculares involuntários. Só pode ser provocado por uma mutação no nível genético.

A distrofia retiniana não precisa levar à perda completa da visão. A doença é passível de correção, mas somente se uma pessoa consultar um médico em tempo hábil.

Desenvolvimento de patologia

A distrofia envolve dano tecidual que ocorre no nível celular como resultado de metabolismo comprometido. Na área danificada, produtos metabólicos alterados começam a se acumular. Esta patologia pode ser causada por alterações patológicas na circulação sanguínea, distúrbios no fundo hormonal, infecção ou mau funcionamento na circulação linfática. Qualquer um desses fatores pode afetar a nutrição celular e os tecidos formados devido a isso.

Na maioria das vezes, os idosos enfrentam distrofia retiniana, pois seu suprimento sanguíneo está se deteriorando. Esses problemas podem surgir na juventude, mas somente se houver uma influência constante de fatores negativos.

Tipos de doença

Os médicos chamam a atenção dos pacientes para o fato de que a distrofia pode ser central ou periférica. O tipo central de violação está localizado na área onde a mácula está localizada. Graças a esta parte do olho, é fornecida uma visão clara. Esta forma da doença ocorre na maioria dos casos em idosos, porque os vasos sanguíneos mudam com a idade.

Com essa forma de distúrbio, a acuidade visual começa a diminuir lentamente. A cegueira completa no paciente não ocorre mesmo se não for tratada, uma vez que as partes periféricas da retina funcionam corretamente. É muito simples identificar a distrofia central, pois o paciente terá uma imagem dividida e distorção.

O curso da doença com degeneração macular pode ser seco e úmido. No primeiro caso, o paciente desenvolve tubérculos, que são produtos metabólicos. Com uma forma úmida do curso da doença, aparecerão acúmulos de líquido na retina. Eles surgem devido à germinação dos vasos sanguíneos. Nesse caso, a visão cairá muito rapidamente, portanto o tratamento deve ser imediato.

A distrofia periférica da retina na maioria dos casos apresenta sintomas leves, portanto o paciente pode não notar por um longo tempo. A patologia é acompanhada de miopia; em casos raros, manchas podem aparecer na frente dos olhos.

Cleanvision  Ortoceratologia - lentes noturnas

Fatores Provocadores

Dado que a distrofia retiniana pode afetar seriamente a condição do aparelho ocular, você não deve demorar para visitar uma instituição médica.

Só será possível eliminar a violação após a identificação do principal fator que provocou a patologia.

Listamos as causas mais comuns que levam a distúrbios distróficos:

  1. O abuso de álcool, tabagismo ou drogas.
  2. Diabetes mellitus.
  3. Deterioração da imunidade durante a cicatrização da retina.
  4. Nutrição desequilibrada.
  5. Doenças vasculares do aparelho ocular.
  6. Doenças infecciosas ou virais que ocorrem regularmente.
  7. Doenças endócrinas.
  8. Excesso de peso.
  9. Predisposição genética.
  10. A presença de degeneração macular relacionada à idade (DMRI).
  11. Tensão nervosa.

Sintomatologia

Nos estágios iniciais de desenvolvimento, a distrofia retiniana praticamente não se manifesta. Em um estágio inicial, a doença é detectada apenas se a pessoa é submetida a um exame médico regular, pois não há manifestações externas de alterações patológicas.

Independentemente do tipo de doença, os sintomas do paciente aparecerão aproximadamente os mesmos. Pode ser observado:

  • diminuição rápida ou lenta da acuidade visual;
  • a sensação de que há neblina diante dos olhos;
  • visão deficiente no escuro e em ambientes fechados com iluminação insuficiente;
  • incapacidade de distinguir certas cores;
  • má orientação no espaço;
  • distorção da forma dos objetos.

Se a doença começou a progredir e não foi tratada a tempo, podem surgir sensações mais desconfortáveis. Por exemplo, uma pessoa não poderá examinar um objeto parado ou em movimento rápido demais.

Se pelo menos um dos sintomas listados for encontrado, entre em contato imediatamente com um oftalmologista para obter ajuda.

diagnósticos

O exame apenas do médico assistente não será suficiente para confirmar a doença e escolher um método eficaz de tratamento. Um exame abrangente deve incluir:

  1. Medição da pressão intra-ocular, determinação da visão de cores e exame visual da retina.
  2. Visomeotria. Este procedimento permite determinar a acuidade visual usando 4 tipos de tabelas.
  3. Perimetria. Durante esse exame, o médico avalia os limites do campo visual.
  4. Técnica de exame eletrofisiológico. Permite avaliar a condição das células nervosas e da retina.
  5. Ultrassom Com esse método diagnóstico, são avaliados o globo ocular, o nervo óptico e os músculos oculomotores. O ultrassom pode detectar tumores e outras patologias nos estágios iniciais.
  6. Angiografia. Nesse caso, a condição dos vasos da retina é verificada. Para isso, é utilizado um corante orgânico, que é administrado ao paciente por via intravenosa.
Cleanvision  Manifestações e sintomas da síndrome de Reiter em mulheres, diagnóstico e tratamento

Remédio

A prevenção e o tratamento da distrofia retiniana são amplamente dependentes de indicações médicas. O método de correção é determinado com base na condição do paciente, idade e presença de patologias concomitantes.

O tratamento pode ser medicação, fisioterapia e cirurgia.

O tratamento da distrofia retiniana com medicamentos é realizado apenas nos estágios iniciais. Os medicamentos podem compensar a falta de vitaminas e melhorar ligeiramente a acuidade visual. Fundos obrigatórios são prescritos para melhorar a circulação sanguínea, estimulantes biogênicos e angioprotetores. Os meios mais populares criados para esse fim são papaverina, enkad, pentoxifilina, okuvayt luteína.

Ao mesmo tempo em que toma medicamentos, os médicos sugerem tratar o distúrbio com fisioterapia. Em um ambiente hospitalar, a eletroforese ou fotoestimulação da retina pode ser realizada para melhorar a nutrição dos órgãos da visão.

A magnetoterapia é considerada igualmente eficaz, após o que a composição química do fluido no corpo do paciente muda. Um método mais moderno é a estimulação do aparelho ocular com um feixe de laser fraco. Para fortalecer os músculos oculomotores, a estimulação elétrica é bem adequada. Após esse procedimento, a transmissão dos impulsos nervosos para o cérebro ocorre mais rapidamente.

Em alguns casos, a distrofia retiniana requer cirurgia urgente para manter a visão.

O método radical é utilizado apenas em casos extremos, quando todos os outros métodos não ajudam a alcançar o resultado desejado.

Um especialista pode aconselhar cirurgia vaso-reconstrutiva ou revascularização. No primeiro caso, um transplante é usado para normalizar o leito vascular. O segundo tipo de operação envolve o aumento do lúmen em vasos saudáveis, a fim de normalizar a condição do paciente.

Medidas preventivas

A prevenção da distrofia retiniana não implica métodos complexos ou especiais para prevenir a doença. Basta seguir as regras básicas para cuidar de seus próprios olhos, a saber:

  • evitar sobrecarga do aparelho ocular e descansar regularmente durante a carga visual;
  • proteja seus olhos do sol e do vento com óculos de qualidade;
  • faça ginástica regularmente para os olhos, para que os músculos permaneçam em boa forma;
  • monitore sua dieta e coma regularmente frutas e legumes frescos.

Evidentemente, a prevenção não permitirá eliminar uma violação que já apareceu, mas nos estágios iniciais do desenvolvimento da patologia, ajudará a alcançar um bom resultado.

Com uma visita oportuna a um oftalmologista e todos os requisitos de um especialista, o prognóstico para a condição adicional do paciente será favorável.

Cleanvision Portugal